Petrobrás de Quixadá - Deputados exigem audiência

junho 09, 2009 ·

O líder do PSDB na Assembléia Legislativa, deputado João Jaime, disse, na manhã desta terça-feira (09/06), na tribuna da Assembléia, que vai pedir, em requerimento, a realização de uma audiência pública para debater a falta de processamento da mamona na refinaria de biodiesel instalada no município de Quixadá. O parlamentar ressaltou que os jornais Diário do Nordeste e O Globo publicaram matérias tratando do assunto.“Diziam que a mamona iria ser a redenção do pequeno agricultor do Estado do Ceará. Quando denunciei que naquela unidade de biodiesel, em Quixadá, não havia sido processado nenhum grão de mamona, fui prontamente desmentido por deputados do PT. Mas tudo que dissemos voltou à tona através dos jornais”, comentou.

Conforme ele, o jornal O Globo publicou uma pesquisa detalhada mostrando que toda a mamona que foi comprada está se estragando em armazéns. “E se a quantidade de mamona é pequena, a refinaria não vai funcionar nenhum dia. O mais grave é que a matéria-prima está vindo de outros estados”, disse, ressaltando que, na refinaria, estão sendo processados caroços de algodão e soja.

Ele ressaltou que, ao comprar essas matérias-primas, é como se o Governo Federal quisesse montar, no Ceará, uma processadora de morango e maçã. “O Estado não produz nenhum dos dois. Não é assim que se gera desenvolvimento”, criticou.

João Jaime disse que, se era para processar soja ou caroço de algodão, a Petrobras deveria ter colocado aquela unidade num lugar mais adequado. Para ele, ao escolher Quixadá, foram levadas em consideração “decisões estritamente políticas”. O deputado lembrou que o município de Quixadá é administrado pelo PT e disse que “uma empresa como a Petrobras não pode brincar com dinheiro de acionista e com dinheiro público”.

Ainda conforme ele, deve ser em função de denúncias como essas que o PT é contra a CPI da Petrobras. “Se for aberta a caixa preta da empresa, muitos absurdos com certeza virão à tona, como os convênios absurdos feitos com ONGs e com cooperativas que recebem verbas do programa de biodiesel”, citou ele.

Em aparte, os deputados tucanos Osmar Baquit e Tânia Gurgel concordaram com João Jaime. Baquit lembrou que o programa de biodiesel deveria beneficiar os assentamentos de pequenos produtores. “Mas para se ter uma idéia, pelos dados oficiais, dos 54 produtores de Quixadá, apenas um plantou mamona”, comentou, acrescentando que foram montadas ONGs “para que haja favorecimento político”.

A deputada Tânia Gurgel disse que existem fotos com galpões amontoados de mamona, que ficam na chuva, se estragando. “Mais uma vez, o povo do Ceará está sendo enganado. Precisamos debater essa questão, porque foram milhões de dólares investidos nessa refinaria, sem que a gente tenha uma clareza de como o montante está sendo aplicado”, criticou.J

á o deputado Lula Morais (PCdoB) defendeu a Petrobras e disse que existe insuficiência na produção de oleaginosas no Estado. “Isso tem feito com que sejam compradas outras matérias-primas, oriundas de outros estados”, observou.
EU/CG

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social

0 comentários:

FACULDADE CATÓLICA DE QUIXADÁ

FACULDADE CATÓLICA DE QUIXADÁ

FACULDADE CISNE

FACULDADE CISNE

CAMPUS UFC/QUIXADÁ

CAMPUS UFC/QUIXADÁ
Próximo a UFC e IFCE

LOTEAMENTO RENATO CARNEIRO

LOTEAMENTO RENATO CARNEIRO

AEROPORTO QUIXADÁ

AEROPORTO QUIXADÁ

HOSPITAL REGIONAL - QUIXERAMOBIM

HOSPITAL REGIONAL - QUIXERAMOBIM

HOTEL VALE DAS PEDRAS

HOTEL VALE DAS PEDRAS

POLICLÍNICA QUIXADÁ

POLICLÍNICA QUIXADÁ