Pesquisadores acompanham 40 famílias de Quixadá, em projeto que conta com a parceria do Banco do Nordeste.

maio 17, 2009 ·


Método holístico
Pesquisa na área da agricultura orgânica na Uece é com base em conceitos da permacultura. A ideia é fazer um planejamento para se plantar o ano inteiro


Na Universidade Estadual do Ceará, o professor do curso de Ciências Biológicas, Oriel Herrera, também desenvolve uma pesquisa na área da agricultura orgânica. O estudo é com base nos conceitos da permacultura, um método holístico de planejar e manter sistemas como jardins, vilas, aldeias e comunidades. No caso da agricultura, a ideia é fazer um planejamento para se conseguir plantar o ano todo somente “com base no que se tem na propriedade agrícola.”


“O produtor usa tudo o que existe lá, desde os bens naturais até os resíduos que ele gera. Aproveita, por exemplo, a água de tomar banho e lavar roupa para aguar algumas plantas”, cita. Como defensivo agrícola natural, o agricultor pode usar extratos de plantas como nim e gergelim, “que tem poder para combater as pragas.” Já o adubo, exemplifica, pode ser o esterco de curral, a urina de vaca e “tudo que é extrato de planta.”


Na permacultura, o produtor planeja o plantio de acordo com o que ele possui na propriedade. “Ele vai equilibrar o solo de uma maneira natural. E o solo sadio tem a capacidade de suprir qualquer vegetal dos nutrientes de que ele precisa. Com isso, a planta fica resistente a pragas e doenças sem a necessidade (do uso) de agrotóxicos”, explica. A pesquisa ainda está em fase inicial e conta com alunos de vários cursos: Biologia, Engenharia, Arquitetura, Psicologia e Sociologia.


Parceria


Além de disporem de um espaço na Uece onde é produzido material orgânico para adubar as plantas (por meio da decomposição de galhos, folhas secas e outros materiais), os pesquisadores acompanham 40 famílias de Quixadá, em projeto que conta com a parceria do Banco do Nordeste. “A ideia é fazer com que essas famílias tenham suas hortas orgânicas e produzam, durante o ano inteiro, pimentão, coentro, tomate, plantas medicinais”, lista. “A gente começa esse trabalho com um ou dois (produtores). O vizinho fica de olho, vê que é bom e essa ideia (da permacultura) vai multiplicando.” (TB)


E-MAIS


> Considerar o movimento dos astros na hora de realizar o cultivo é uma prática milenar. Egípcios e hebreus já faziam isso, há mais de quatro mil anos.


> A astronomia agrícola é o enfoque de várias pesquisas no Brasil e no exterior, principalmente na Alemanha.


> As pesquisas na área defendem que as plantas estão sob influência dos astros. Para cada movimento deles, é possível adequar uma prática da agricultura, como plantio, transplante de vegetal, podação e colheita.

Fonte: O Povo

0 comentários:

FACULDADE CATÓLICA DE QUIXADÁ

FACULDADE CATÓLICA DE QUIXADÁ

FACULDADE CISNE

FACULDADE CISNE

CAMPUS UFC/QUIXADÁ

CAMPUS UFC/QUIXADÁ
Próximo a UFC e IFCE

LOTEAMENTO RENATO CARNEIRO

LOTEAMENTO RENATO CARNEIRO

AEROPORTO QUIXADÁ

AEROPORTO QUIXADÁ

HOSPITAL REGIONAL - QUIXERAMOBIM

HOSPITAL REGIONAL - QUIXERAMOBIM

HOTEL VALE DAS PEDRAS

HOTEL VALE DAS PEDRAS

POLICLÍNICA QUIXADÁ

POLICLÍNICA QUIXADÁ